Oscar 2019

23 01 2019

Normalmente eu falo primeiro do Framboesa de Ouro, mas eu nem vi a lista ainda, então dessa vez vou começar pelo Oscar mesmo.

Esse ano veio com uma quantidade incrível de surpresas, desde a indicação de Pantera Negra ao prêmio máximo da noite (o primeiro filme de super-heróis a concorrer a melhor filme), as 10 indicações do Roma de Alfonso Cuarón, que colocam de vez a Netflix como uma força a ser considerada (juntamente com as inesperadas 3 indicações de A Balada de Buster Scruggs, incluindo a de melhor canção para a incrível “When a Cowboy Trades his Spurs for Wings”) e Bohemian Rhapsody pintando nas categorias melhor filme e melhor ator.

A lista por quantidade de indicações está assim:
Roma – 10 indicações
A Favorita – 10 indicações
Nasce Uma Estrela – 8 indicações
Vice – 8 indicações
Pantera Negra – 7 indicações
Infiltrado na Klan – 6 indicações
Bohemian Rhapsody – 5 indicações
Green Book: O Guia – 5 indicações
O Retorno de Mary Poppins – 4 indicações
Primeiro Homem – 4 indicações
Se a Rua Beale Falasse – 3 indicações
A Balada de Buster Scruggs – 3 indicações
Poderia Me Perdoar – 3 indicações
Guerra Fria – 3 indicações

Falando um pouco das minhas apostas e torcidas. Em melhor filme eu torço MUITO para Infiltrado na Klan (assim como torço por seu diretor, Spike Lee), mas minha aposta fica entre Green Book e Bohemian Rhapsody (vencedores do Globo de Ouro), e diretor aposto em Alfonso Cuarón. Ator eu aposto que fica entre Christian Bale e Rami Malek (que venceu o Globo de Ouro), mas como é a Academia pendo pro lado de Christian Bale como vencedor. Atriz pra mim dá a lógica e Glenn Close vence. Ator coadjuvante temos o vencedor do ano passado Sam Rockwell mais uma vez indicado, mas esse ano minha aposta fica com Mahershala Ali por Green Book. Para atriz coadjuvante Regina King vem como favorita pelo Globo de Ouro que levou por Se a Rua Beale Falasse, mas coloco Amy Adams correndo por fora em Vice. Roteiro original eu aposto em Roma, e roteiro adaptado eu torço MUITO por Inflitrado na Klan, mas Nasce Uma Estrela deve levar essa (e eu acharia o máximo se A Balada de Buster Scruggs aprontasse por aqui). Animação eu aposto que teremos o primeiro filme a bater o duo Disney/Pixar em anos, e Homem-Aranha no Aranhaverso deve repetir sua vitória no Globo de Ouro também por aqui. Em canção original Shallow, o dueto de Lady Gaga e Bradley Cooper no filme Nasce Uma Estrela deve levar, mas como citei lá em cima estou torcendo pela excelente canção do filme A Balada de Buster Scruggs, When a Cowboy Trades his Spurs for Wings (também um dueto nas vozes de Willie Watson e Tim Blake Nelson), e trilha sonora original aposto em Kendrick Lamar e sua trilha de Pantera Negra. Roma é o favorito absoluto a levar como filme estrangeiro. Dentro das categorias técnicas vou ser sucinto: direção de arte deve levar Roma, fotografia Roma, figurino aposto numa zebra com A Balada de Buster Scruggs, maquiagem Vice, edição Bohemian Rhapsody, efeitos visuais deve levar Vingadores: Guerra Infinita (mas não me surpreenderia se Jogador Número 1 fosse uma zebra aqui), edição e mixagem de som Bohemian Rhapsody. Nas categorias de curta-metragem e documentário eu nunca assisto nada e não tenho opinião pra apostar em algum.

Fiquem agora com a lista completa de indicados!

MELHOR FILME
A Favorita
Roma
Vice
Pantera Negra
Green Book – O Guia
Nasce uma Estrela
Infiltrado na Klan
Bohemian Rhapsody

MELHOR DIREÇÃO
Alfonso Cuarón (Roma))
Spike Lee (Infiltrado na Klan)
Yorgos Lanthimos (A Favorita)
Pawel Pawlikowski (Guerra Fria)
Adam McKay (Vice)

MELHOR ATOR
Bradley Cooper (Nasce uma Estrela)
Rami Malek (Bohemian Rhapsody)
Christian Bale (Vice)
Willem Dafoe (No Portal da Eternidade)
Viggo Mortensen (Green Book – O Guia)

MELHOR ATRIZ
Olivia Colman (A Favorita)
Lady Gaga (Nasce uma Estrela)
Glenn Close (A Esposa)
Melissa McCarthy (Poderia Me Perdoar?)
Yalitza Aparicio (Roma)

MELHOR ATOR COADJUVANTE
Richard E. Grant (Poderia Me Perdoar?)
Mahershala Ali (Green Book – O Guia)
Adam Driver (Infiltrado na Klan)
Sam Elliott (Nasce uma Estrela)
Sam Rockwell (Vice)

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE
Regina King (Se a Rua Beale Falasse)
Marina de Tavira (Roma)
Amy Adams (Vice)
Emma Stone (A Favorita)
Rachel Weisz (A Favorita)

MELHOR ROTEIRO ORIGINAL
Green Book – O Guia
Roma
No Coração das Trevas
A Favorita
Vice

MELHOR ROTEIRO ADAPTADO
Infiltrado na Klan
A Balada de Buster Scruggs
Se a Rua Beale Falasse
Nasce uma Estrela
Poderia Me Perdoar?

MELHOR ANIMAÇÃO
Homem-Aranha no Aranhaverso
Os Incríveis 2
WiFi Ralph
Ilha de Cachorros
Mirai

MELHOR FILME ESTRANGEIRO
Roma (México)
Guerra Fria (Polônia)
Assunto de Família (Japão)
Cafarnaum (Líbano)
Nunca Deixe de Lembrar (Alemanha)

MELHOR DOCUMENTÁRIO
RBG
Minding the Gap
Hale County this Morning, the Evening
Of Fathers and Sons
Free Solo

MELHOR DIREÇÃO DE ARTE
O Retorno de Mary Poppins
A Favorita
O Primeiro Homem
Roma
Pantera Negra

MELHOR FOTOGRAFIA
Roma
Nasce uma Estrela
A Favorita
Guerra Fria
Nunca Deixe de Lembrar

MELHOR FIGURINO
A Favorita
A Balada de Buster Scruggs
Duas Rainhas
O Retorno de Mary Poppins
Pantera Negra

MELHOR MAQUIAGEM
Vice
Border
Duas Rainhas

MELHOR EDIÇÃO
A Favorita
Infiltrado na Klan
Bohemian Rhapsody
Green Book – O Guia
Vice

MELHOR TRILHA SONORA
Se a Rua Beale Falasse
Ilha de Cachorros
Pantera Negra
O Retorno de Mary Poppins
Infiltrado na Klan

MELHOR CANÇÃO ORIGINAL
“Shallow” (Nasce uma Estrela)
“All the Stars” (Pantera Negra)
“I’ll Fight” (RBG)
“The Place Where Los Things Go” (O Retorno de Mary Poppins)
“When a Cowboy Trades His Spurs for Wings” (A Balada de Buster Scruggs)

MELHORES EFEITOS VISUAIS
Vingadores: Guerra Infinita
Christopher Robin – Um Reencontro Inesquecível
Jogador nº 1
O Primeiro Homem
Han Solo: Uma HIstória Star Wars

MELHOR EDIÇÃO DE SOM
O Primeiro Homem
Pantera Negra
Roma
Um Lugar Silencioso
Bohemian Rhapsody

MELHOR MIXAGEM DE SOM
O Primeiro Homem
Roma
Nasce uma Estrela
Bohemian Rhapsody
Pantera Negra

MELHOR CURTA-METRAGEM
Marguerite
Fauve
Mother
Skin
Detainment

MELHOR CURTA-METRAGEM – ANIMAÇÃO
Bao
Animal Behavior
Late Afternoon
Weekends
One Small Step

MELHOR CURTA-METRAGEM – DOCUMENTÁRIO
End Game
Lifeboat
A Night at the Garden
Period. End of Sentence
Black Sheep





Os Vencedores do Oscar!

23 02 2015

Eu devo ter perdido umas 3 ou 4 entregas de prêmio, mas após isso acompanhei o Oscar até o fim (cerca de 2h, horário de Brasília). Assistir o prêmio com tradução simultânea SEMPRE é um incômodo, que nem sempre se consegue ignorar. Mas dessa vez foi suportável (horrível, mas suportável).

Neil Patrick Harris foi o apresentador da noite. Com mais erros que acertos, não tenho muitas reclamações. Apesar de piadas sofríveis, a cena em que ele refaz a “caminhada da vergonha” de Riggan Thomson (papel de Michael Keaton em Birdman) enquanto rolava a trilha jazz de fundo, como no filme, tocada por Miles Teller (o Andrew do espetacular Whiplash) fez valer praticamente todos os erros da noite!

Sem mais delongas, vamos aos prêmios, junto de minhas apostas e torcida!

Melhor filme

“Sniper Americano”

“Birdman ou (A Inesperada Virtude da Ignorância)” (torcida e vencedor)

“Boyhood – Da Infância à Juventude” (aposta)

“O Grande Hotel Budapeste”

“O Jogo da Imitação”

“Selma”

“A Teoria de Tudo”

“Whiplash – Em Busca da Perfeição”

 

Melhor Diretor

Richard Linklater – Boyhood – Da Infância à Juventude (aposta)

Alejandro González Iñárritu – Birdman ou (A Inesperada Virtude da Ignorância) (torcida e vencedor)

Wes Anderson – O Grande Hotel Budapeste

Morten Tyldum – O Jogo da Imitação

Bennet Miller – Foxcatcher: Uma História que Chocou o Mundo

 

Melhor atriz

Marion Cotillard (“Dois Dias, uma Noite”)

Felicity Jones (“A Teoria de Tudo”) (torcida)

Julianne Moore (“Para Sempre Alice”) (vencedora)

Reese Witherspoon (“Livre”)

Rosamund Pike (“Garota Exemplar”) (aposta)

 

Melhor ator

Steve Carell (“Foxcatcher: Uma História que Chocou o Mundo”)

Benedict Cumberbatch (“O Jogo da Imitação”) (tordica)

Michael Keaton (“Birdman ou (A Inesperada Virtude da Ignorância”) (aposta)

Eddie Redmayne (“A Teoria de Tudo”) (vencedor)

Bradley Cooper (“Sniper Americano”)

 

Melhor atriz coadjuvante

Patricia Arquette, “Boyhood – Da Infância à Juventude” (aposta e vencedora)

Keira Knightley, “O Jogo da Imitação”

Emma Stone, “Birdman ou (A Inesperada Virtude da Ignorância)” (torcida)

Meryl Streep, “Caminhos da Floresta”

Laura Dern, “Livre”

 

Melhor ator coadjuvante

Edward Norton (“Birdman ou (A Inesperada Virtude da Ignorância)”)

Ethan Hawke (“Boyhood – Da Infância à Juventude”)

J.K. Simmons (“Whiplash: Em Busca da Perfeição”) (torcida, aposta  e vencedor)

Mark Ruffalo (“Foxcatcher: Uma História que Chocou o Mundo”)

Robert Duvall (“O Juiz”)

 

Melhor roteiro original

Wes Anderson, “O Grande Hotel Budapeste” (aposta)

  1. Max Frye e Dan Futterman, “Foxcatcher”

Alejandro González Inarritu, Nicolas Giacobone, Alexander Dinelaris, Armando Bo, “Birdman ou (A Inesperada Virtude da Ignorância)” (torcida e vencedor)

Richard Linklater, “Boyhood – Da Infância à Juventude”

Dan Gilroy, “O Abutre”

 

Roteiro adaptado

Jason Hall – “Sniper Americano”

Graham Moore – “O Jogo da Imitação” (vencedor)

Paul Thomas Anderson – “Vício Inerente”

Anthony McCarten – “A Teoria de Tudo”

Damien Chazelle – “Whiplash” (torcida e aposta)

 

Melhor fotografia

Emmanuel Lubezki – “Birdman ou (A Inesperada Virtude da Ignorância)” (torcida e vencedor)

Robert Yeoman – “O Grande Hotel Budapeste” (aposta)

Lukasz Zal e Ryszard Lenczewski – “Ida”

Dick Pope – “Sr. Turner”

Roger Deakins – “Invencível”

 

Melhor longa de animação

“Operação Big Hero” – Don Hall, Chris Williams e Roy Conli (vencedor)

“Os Boxtrolls” – Anthony Stacchi, Graham Annable e Travis Knight

“Como Treinar o Seu Dragão 2″ – Dean DeBlois e Bonnie Arnold (torcida e aposta)

“Song of the Sea” – Tomm Moore e Paul Young

“O Conto da Princesa Kaguya” Isao Takahata e Yoshiaki Nishimura

 

Melhor filme estrangeiro

“Ida” (vencedor)

“Leviatã” (torcida e aposta)

“Tangerines”

“Timbuktu”

“Relatos Selvagens”

 

Melhor canção original

“Glory” – “Selma” (aposta e vencedor)

“Everything Is Awesome” –  “Uma Aventura Lego” (torcida)

“Grateful” – “Além das Luzes”

“I’m Not Gonna Miss You” – “Glen Campbell: I’ll Be Me”

“Lost Stars” – “Mesmo Se Nada Der Certo”

 

Melhor documentário

“O Sal da Terra” (torcida)

“Citizenfour” (vencedor)

“A Fotografia Oculta de Vivian Maier”

“Last Days in Vietnam” (aposta)

“Virunga”

 

Melhor figurino

“O Grande Hotel Budapeste” – Milena Canonero (vencedor)

“Vício Inerente” – Mark Bridges

“Caminhos da Floresta” – Colleen Atwood (torcida e aposta)

“Malévola” – Anna B. Sheppard e Jane Clive

“Sr. Turner” – Jacqueline Durran

 

Melhor montagem

“Sniper Americano”

“Boyhood – Da Infância à Juventude” (aposta)

“O Grande Hotel Budapeste”

“Jogo da Imitação”

“Whiplash” (torcida e vencedor)

 

Melhor design de produção

“O Grande Hotel Budapeste” (aposta e vencedor)

“O Jogo da Imitação”

“Interestelar” (torcida)

“Caminhos da Floresta”

“Mr. Turner”

 

Melhor curta-metragem

“Aya”

“Boogaloo and Graham”

“Butter Lamp”

“Parvaneh”

“The Phone Call” (aposta e vencedor)

Categoria que vou no chute: deve levar The Phone Call.

 

Melhor curta de animação

“The Bigger Picture”

“The Dam Keeper”

“O Banquete” (torcida, aposta e vencedor)

“Me and My Moulton”

“A Single Life”

 

Melhor edição de som

“Sniper Americano” (vencedor)

“Birdman ou (A Inesperada Virtude da Ignorância” (torcida)

“O Hobbit: A Batalha dos Cinco Exércitos” (aposta)

“Interestelar”

“Invencível”

 

Melhor mixagem de som

“Sniper Americano”

“Birdman ou (A Inesperada Virtude da Ignorância” (torcida)

“Interestelar” (aposta)

“Invencível”

“Whiplash” (vencedor)

 

Melhores efeitos visuais

“Capitão América 2: O Soldado Invernal”

“Planeta dos Macacos: O Confronto”

“Guardiões da Galáxia” (torcida e aposta)

“Interestelar” (vencedor)

“X-Men: Dias de um Futuro Esquecido”

 

Melhor trilha sonora

“O Grande Hotel Budapeste” (aposta e vencedor)

“O Jogo da Imitação”

“Interestelar” (torcida)

“Mr. Turner”

“A Teoria de Tudo”

 

Melhor maquiagem e penteado

“Foxcatcher: Uma História que Chocou o Mundo”)

“O Grande Hotel Budapeste” (vencedor)

“Guardiões da Galáxia” (torcida e aposta)

Um adendo: a categoria “Melhor curta-metragem de documentário” me passou batida no post original, então vou apenas colocá-la aqui.

Melhor documentário curta-metragem
“Crisis Hotline: Veterans Press 1” – Ellen Goosenberg Kent e Dana Perry – VENCEDOR
“Joanna” – Aneta Kopacz
“Our Curse” – Tomasz Sliwinski e Maciej Slesicki
“The Reaper (La Parka)” – Gabriel Serra Arguello
“White Earth” – J. Christian Jensen