Um Doran Sem Planos Não É um Doran Feliz

13 06 2016

Em diversas conversas com uma amiga eu sempre toco num ponto sobre Game of Thrones: Doran Martell e o núcleo de Dorne como um todo na série. Spoilers no texto para quem não leu os livros.

Dark Spoilers

Até a luta entre a Víbora Vermelha e a Montanha o núcleo de Dorne vinha tendo um papel dos mais interessantes, incluindo a “incapacidade” de Doran Martell de tomar uma atitude depois da morte de seu irmão Oberyn em Porto Real. Mas quem leu os livros sabe que nada é o que parece, e que Doran na verdade tem um dos estratagemas mais interessantes até o final do quinto livro. Tá certo que ao menos duas partes desse plano falham miseravelmente (a tentativa de coroar Myrcella e a ida de Quentyn para Meereen para tentar casar com Daenerys), mas ainda assim ele TEM UM PLANO para derrubar os Lannister e coroar um Targaryen no lugar, mostrando que os Martell sempre estiveram ao lado dos Dragões mesmo após a queda de Aerys “The Mad King” Targaryen.

Doran-Martell-Alexander-Siddig-Game-of-Thrones-570x294

Sonhando com uns planos aqui

Além dos planos de Doran nos livros, há também o fator de sua filha, Arianne Martell, uma das grandes armas dele após os dois planos anteriores fracassarem. Em troca de uma política de “boa vontade” após a morte de Oberyn, Doran indica Nymeria Sand para o pequeno conselho de Tommen Baratheon na vaga que ficou após a morte de seu pai Oberyn. Em suma, Doran tinha uma teia intrincada de planos para acabar com os Lannister e colocar um Targaryen no poder, de preferência com um Martell casado (primeiro com o falecido Viserys e depois com Daenerys).

Mas na série cerca de 100% de tudo isso é jogado fora. Arianne não existe, as Serpentes da Areia são reduzidas apenas às filhas de Ellaria Sand com Oberyn Martell, e com um carisma idêntico ao da Kristen Stewart. Doran em alguns momentos aparenta ter alguma coisa em mente, mas antes de talvez resolver colocar qualquer coisa em prática é assassinado por Ellaria, assim como Areo Hotah e Trysane Martell. Ela também envenena mortalmente Myrcella Baratheon, reduzindo o núcleo de Dorne a meros coadjuvantes de péssimo gosto, jogando todo o carisma de Oberyn no lixo com essas ações.

Doran_being_stabbed

ISSO É PELA SUA FALTA DE PLANOS!

Agora fica a pergunta: com Ellaria e suas filhas assumindo o controle de Dorne, como fica o núcleo após o fim dessa sexta temporada? Eu não vejo nada de bom saindo daí mais.





For the Watch *ou o fim da quinta temporada de GoT* (ATENÇÃO: SPOILERS)

15 06 2015

Vou fazer um texto com alguns spoilers do final da quinta temporada de Game of Thrones.

Desde os primeiros minutos dele vimos gente morrendo no 10º episódio, “Mother’s Mercy”. Selyse Baratheon se enforca, levada pela tristeza e, creio eu, arrependimento após a morte da filha Shireen. Depois, no ataque a Winterfell, a tropa de Stannis é massacrada pelos Bolton. Stannis então encara uma amargurada Brienne, que ainda sentia ódio pela morte de Renly Baratheon. E é aqui que eu começo a teorizar. Brienne supostamente matou Stannis. Mas isso NÃO É MOSTRADO. Logo após isso, Theon mata Myranda em Winterfell, e ele e Sansa pulam o muro. Há quem diga que ambos morreram. Mais uma vez, nada é mostrado. Em Braavos, Arya Stark mata Meryn Trant. Em Dorne, após embarcar num navio para Porto Real com Jaime e outros, Myrcella é envenenada por Obara Sand. Outra vez, todos a dão como morta, mas novamente NADA É MOSTRADO. E pra finalizar, temos o final do episódio em Castle Black. Jon Snow recebe seis golpes de facas/punhais, sendo o  último dado por Olly direto no peito. Jon Snow cai, sangrando horrores. E aqui é que temos o primeiro e único caso: Jon Snow parece morto, porém algo me diz que NÃO ESTÁ. E não digo isso com base nos livros.

Minha teoria é meio esquisita, mas vamos lá: Melisandre reapareceu DO NADA em Castle Black, pouco antes da noite em que Jon é atacado pelos seus irmãos juramentados. A partir daqui, teorizo: ela queimou Shireen Baratheon, e creio que ALGO nas chamas a alertou de TUDO o que viria: o ataque a tropa de Stannis e também a Jon Snow. Mas ela teria visto algo mais, e aqui entro sim com a teoria do livro: Jon Snow seria o verdadeiro salvador. Muito bem, com essas informações eu vou além: quando alguém morre entre os patrulheiros morre, é queimado (como feito com o Meistre Aemon nessa temporada). Jon Snow, segundo teorias, é um Targaryen. Melisandre e seu deus vermelho R’hllor usam o fogo. Juntando os pontos, em algum momento Jon voltará a vida. Se pelo sangue Targaryen ou pelas mãos de R’hllor, é aí que eu tenho dúvida.

Bom, então no saldo: nem todo mundo que acham que morreu ontem deve estar REALMENTE morto. Pensem nisso.